} Confira a exposição solo de Stephan Doitschinoff @ Galeria Choque Cultural!

5 04 2010

Stephan Doitschinoff é um dos artistas de maior destaque no momento. Uma porque recentemente expôs, com mais 5 companheiros, no MASP, durante a mostra De dentro para fora/ De fora para dentro, que levou cerca de 130 mil pessoas ao Museu. Outra porque acaba de receber dois prêmios, da APCA e do Ministério da Cultura.

Stephan Doitschinoff apresenta a exposição individual “Cras (Novo asceticismo)”, na galeria Acervo da Choque, de 10 de abril a 3 de maio. A exposição vai contar com cinco grandes pinturas inéditas, bem como uma série de desenhos.

Inspirada na vida dos ascetas, nessa nova fase, o artista procura refletir sobre os tipos de sacrifícios e privações necessárias para o homem contemporâneo conseguir viver plenamente, sem se deixar bombardear ou alienar pelas armadilhas e vícios mentais da sociedade. “Penso no homem que busca uma maneira de viver nessa sociedade, porém sem negá-la ou dela se excluir”, comenta Doitschinoff.

Cras, amanhã em latim, está marcado na figura de Santo Expedito, simbolizando a urgência de fazer o que deve ser feito, hoje, sem deixar para amanhã o que realmente importa. O novo ascetismo prega exatamente essa urgência. “Ele refuta as grandes corporações (igreja, conglomerados e mídia, como as Três Bestas do Apocalipse), estimulando os pensamentos obsessivos, através do apelo às emoções básicas do ser humano, que nos mantém sob seu julgo, coibindo o prazer total e o pleno aproveitamento da vida”, conta Stephan sobre sua inspiração.

Além disso, Doitschinoff, representado pela Choque Cultural, acaba de ser eleito como Artista Revelação de 2009 pela Associação Paulista dos Críticos de Arte (APCA) por conta de sua participação na primeira exposição de arte urbana contemporânea do MASP, De dentro para fora/ De fora para dentro.

Também conhecido como Calma, Doitschinoff teve seu projeto A Mão selecionado pelo edital do Prêmio Interações Estéticas em Pontos de Cultura, da Fundação Nacional das Artes e do Ministério da Cultura (MinC) do Governo Federal. O Prêmio contempla a elaboração de uma grande escultura de cerâmica assinada por Stephan a ser instalada nas imediações do Museu Afro, no Parque do Ibirapuera, por um ano a partir de abril de 2010, bem como a criação de um painel. O objetivo é incitar uma reflexão sobre o diálogo da herança cultural brasileira frente à contemporaneidade.

As atividades de Stephan Doitschinoff se estendem também por rotas internacionais. Ele apresenta, em 25 de julho, uma exposição no Museu de Arte Contemporânea de San Diego e outra na Galeria Subliminal Projects, de Shepard Fairey, em setembro. Diante da força que conquistou com esses projetos, o artista avalia sua nova fase. “Trata-se de uma oportunidade de desenvolver mais trabalhos, como instalações e obras de arte pública que poderão atingir um número maior de pessoas e estimular sua interação.

COMO? ONDE? QUANDO?
Galeria Choque Cultural
Onde? Rua Medeiros de Albuquerque, 250, Vila Madalena, São Paulo
Telefone? 011 3061-2365
Quando? De 10 de Abril a 03 de Maio Visitação aberta aos sábados, das 13h às 18h
Quanto? Entrada gratuita
Advertisements

Actions

Information

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s




%d bloggers like this: